Quarta 23 Janeiro 2019

Últimas Notícias

ESCOLA ESPÍRITA ATENDE MAIS DE 300 CRIANÇAS EM UBERLÂNDIA

Há mais de 100 anos nascia a primeira Escola Espírita no município de Sacramento (MG); Obra do Professor Eurípedes Barsanulfo, tinha como objetivo oferecer às crianças, de forma gratuita, o aprendizado formal científico agregado aos conhecimentos da Doutrina Espírita.

 

Hoje, a escola espírita é uma realidade em várias cidades do Brasil, como Uberlândia (MG), que fundou, há 19 anos o Centro Educacional Eurípedes Barsanulfo (Rua Wilson Pantaleão de Oliveira, 108 – Pacaembú).

Em funcionamento nos períodos matutino e vespertino, a escola acolhe mais de 300 crianças entre 4 e 14 anos, proporcionando-lhes, além do ensino comum curricular, conhecimentos variados sobre meditação, vibração, trabalhos artísticos, esportes, rotinas de prece, culto do evangelho no lar, entre outros.

 São matriculadas crianças de todas as religiões, cientes os pais e professores da metodologia aplicada, em que a Doutrina Espírita vem entrelaçada à educação regulamentar, com o objetivo maior de formar o homem de bem, à luz do ensinamento de O Evangelho Segundo o Espiritismo.

Os alunos aprendem a ler e escrever tendo como embasamento teórico os textos bíblicos, como o Evangelho de Lucas, onde as crianças conhecem as primeiras letras a partir da descrição da infância do Cristo.

Na matemática, a história de Zaqueu é utilizada para aprender a contar, e dessa forma, o Espírito vai moldando sua personalidade conjuntamente à educação formal.

Em conversa com a Sra. Vilma de Brito, hoje moradora de Sobradinho (DF), professora e voluntária da direção do Colégio Allan Kardec, em funcionamento naquela cidade, relatou que foi educada na Escola Espírita de Palmelo (GO) e, sendo aluna de Jerônimo Candinho, afirmou que sua formação escolar, nos moldes espíritas, guiou seus caminhos para toda a vida, pois o modelo de educação vivenciado desde a infância, as rotinas de bons hábitos como da prece, culto do evangelho no lar, ensinamentos sobre a responsabilidade da lei de causa e efeito, perdão, reforma íntima, enfim, sobre a lei de amor, justiça e caridade, formou conceitos verdadeiros e sedimentados sobre como vivenciar a experiência concreta de um ser humano consciente de sua realidade espiritual de forma integral (corpo, espírito e perispírito).

 

Fonte: Jornal das Obras Sociais Auta de Souza (Ano 03 - 27ª Edição - março de 2018), do Centro Espírita Auta de Souza, Araxá (MG).

 

“Procurem-se em todas as partes do organismo social, da família aos povos, da choupana ao palácio, todas as causas, todas as influências que, ostensiva ou ocultamente, excitam, alimentam e desenvolvem o sentimento do egoísmo. Conhecidas as causas, o remédio se apresentará por si mesmo. Só restará então destruí-las, senão totalmente, de uma só vez, ao menos parcialmente, e o veneno pouco a pouco será eliminado. Poderá ser longa a cura, porque numerosas são as causas, mas não é impossível. Contudo, ela só se obterá se o mal for atacado em sua raiz, isto é, pela educação, não por essa educação que tende a fazer homens instruídos, mas pela que tende a fazer homens de bem. A educação, convenientemente entendida, constitui a chave do progresso moral.” (Allan Kardec, O Livro dos Espíritos, perg. 917).